Comissário-geral da UNRWA firma acordo de 5,8 milhões com Japão para assistência aos refugiados da Palestina

24 de outubro de 2014
UNRWA

UNRWA

O comissário-geral da Agência das Nações Unidas de Assistência aos Refugiados da Palestina (UNRWA), Pierre Krähenbühl, fez sua primeira visita oficial ao Japão nesta quarta-feira (22).

Pierre se reuniu com parlamentares de destaque e altos funcionários do governo, incluindo o vice-chefe do secretário de gabinete, Katsunobu Kato, e o vice-ministro de negócios estrangeiros, Minoru Kiuchi. Pierre também se reuniu com representantes da Agência de Cooperação Internacional do Japão e de organizações não governamentais. Durante a visita, o comissário-geral participou de um evento público e deu entrevistas a jornalistas de grandes meios de comunicação.

Katsunobu Kato anunciou uma nova contribuição japonesa de 5,8 milhões de dólares para os projetos de ajuda alimentar da UNRWA. Essa contribuição permitirá que a Agência distribua alimentos essenciais para 300 mil refugiados da Palestina que necessitam urgente de assistência.

Pierre Krähenbühl expressou seu apreço pelo firme apoio japonês com a UNRWA, não só financeiro mas também diplomático. No início da reunião com Kato, Krähenbühl lhe presenteou com cartas de agradecimento elaboradas por crianças refugiadas da Palestina em Gaza.

Krähenbühl informou a seus parceiros japoneses sobre a atual situação na Faixa de Gaza e o apoio necessário. Ele acolheu calorosamente o compromisso expresso pela maioria dos funcionários que conheceu de apoiar os refugiados da Palestina. Krähenbühl também discutiu seu desejo de aumentar o número de funcionários japonês na UNRWA, que foi recebido de forma positiva.

Em um evento público, quando perguntado sobre o ceticismo sobre uma solução para a situação dos refugiados da Palestina, Krähenbühl disse: “Este não é o momento para ser cético. É um luxo que o mundo não pode pagar. Em vez disso, devemos levar esperança e agir até que seja encontrada uma solução justa e duradoura”.