Em visita ao país, chefe da UNRWA reconhece apoio brasileiro à dignidade e direitos dos refugiados da Palestina

11 de maio de 2015
DSC_1963

A exposição “Uma Longa Jornada”, mostra fotográfica composta por 40 fotos e cinco curtas-metragens que conta a história da prolongada crise desses refugiados no Oriente Médio. Foto: UNRWA

O Comissário-geral da Agência das Nações Unidas de Assistência aos Refugiados da Palestina (UNRWA), Pierre Krähenbühl, declarou nesta sexta-feira (08), durante a sua primeira visita oficial ao Brasil, a importância da crescente parceria entre a agência e o país latino americano.

Entre os dias 5 e 8 de maio, Krähenbühl se encontrou com o ministro das Relações Exteriores, Mauro Vieira, com deputados e outros membros-chave em Brasília, e também com o secretário de Direitos Humanos da cidade de São Paulo, Eduardo Suplicy.

A relação entre o Brasil e a UNRWA tem crescido nos últimos anos, culminando na admissão do Brasil no Conselho Consultivo da UNRWA, em dezembro de 2014, sendo o primeiro país da América Latina a integrar o organismo.

“É essencial para a UNRWA fortalecer a relação com o Brasil. Com a situação conturbada no Oriente Médio e a crise existencial enfrentada pelos Palestinos, a nossa parceria com o Brasil oferece novas oportunidades de suporte em termos diplomáticos e financeiros. Eu sou muito grato ao crescente interesse brasileiro em relação ao trabalho da UNRWA para a dignidade e direitos dos refugiados da Palestina”.

Apenas em 2014, o Brasil contribuiu em aproximadamente 9,2 milhões de dólares, com doações de arroz para os refugiados vulneráveis e sem acesso à alimentação. Entre 2012 e 2013 o Brasil doou aproximadamente 8 milhões de dólares para a UNRWA.

Krähenbühl também foi à Brasília para o lançamento da exposição “Uma Longa Jornada”, mostra fotográfica composta por 40 fotos e cinco curtas-metragens que conta a história da prolongada crise desses refugiados no Oriente Médio. A exposição fica em cartaz até o dia 27 de junho, com entrada franca, no Museu Nacional do Conjunto Cultural da República, em Brasília.

Mais informações sobre a exposição em: http://unrwa.org.br/umalongajornada/